Acesse nosso portal

Blog EAD Caruaru

4 PASSOS PARA MUDAR DE UNIVERSIDADE SEM DIFICULDADE

Postado por Willian Almeida on 22-02-2018 14:27

Você lutou muito para concluir o Ensino Médio e depois teve mais uma batalha para conseguir chegar à universidade. Começou o curso e, por alguma razão, chegou a um momento de constatação difícil: é hora de mudar de universidade. O sentimento inicial é mesmo frustrante, mas não precisa levar ao desânimo, já que a transferência de universidade é comum e pode ser feita de maneira tranquila na maior parte dos casos.

Vamos analisar aqui 4 passos importantes nesse processo:

1- Que tal uma última chance de reconsiderar a troca?

Quem pensa em mudar de universidade certamente não chegou a esta conclusão por impulso ou subitamente. É um processo demorado, que pode ser desencadeado por diferentes fatores que, somados ou não, culminaram na decisão de trocar de universidade.

Ainda assim, uma última reflexão é válida: o problema é com o curso atual ou com os outros “ingredientes” envolvidos?

  • Você não gosta dos colegas de turma e não sente motivação para ir às aulas?
  • A qualidade do curso e das aulas está abaixo do esperado?
  • O campus é ruim ou muito afastado de sua casa?

Estas e outras razões podem levar ao desejo de pedir transferência de universidade. 

Em geral, quando o estudante opta pela mudança, todos estes itens já foram analisados diversas vezes. Mas é sempre bom uma última checagem antes do passo definitivo.

2- Como é a mudança e a burocracia da troca?

Mudar de universidade é um processo teoricamente simples, mas que pode tornar-se demorado por conta da burocracia, já que envolve a emissão e troca de documentos de duas instituições e ainda o trânsito do aluno entre elas.

Um passo  importante é checar se o tempo necessário para este processo vai impactar em atraso do início das aulas ou perda de disciplinas importantes.

3- Transferência de bolsas do FIES e PROUNI

A opção de transferência de universidade está disponível mesmo para quem tem bolsas do FIES e do PROUNI. Há algumas ressalvas, obviamente, e a principal delas, para ambos os casos, é o aluno verificar antes se há vagas disponíveis no curso pretendido.

Você pode conferir os passos necessários para mudar de universidade com FIES e PROUNI neste link.

4- Transferência externa: vamos lá!

Chegou a hora de mudar de universidade. Uma ideia inicial interessante é fazer o mesmo checklist do item 1 deste post, pesquisando sobre a qualidade do curso e estrutura do campus. Tente colher informações sobre os estudantes, na internet e em conversas com amigos.

Depois, é o momento de conferir se a universidade que você deseja tem vagas disponíveis no curso. A admissão pode ser via análise de histórico escolar ou aplicação de provas, e em algumas instituições esse processo é feito apenas uma vez ao ano.  É importante conferir também qual a periodicidade da admissão de alunos em transferência de universidade.

A Diretoria de Assuntos Acadêmicos ou o diretório da universidade certamente têm estas informações para facilitar o processo para você.

Mudar de universidade pode ser uma experiência interessante se o curso atual não faz mais o aluno feliz. Basta seguir algumas dicas e refletir bastante antes de tomar a decisão. Se você está passando por este momento, considere as indicações deste post e converse com familiares ou amigos que tenham passado por isso para aumentar sua segurança.

Curtiu este post? Ajude a mais pessoas. Compartilhe-o nas redes sociais!

Transfira-se agora!

Leia também: Por que uma graduação online e não uma presencial

Willian Almeida

Escrito por Willian Almeida

Topics: Semipresencial