Acesse nosso portal
   

O papel de um profissional de Recursos Humanos vai muito além de contratar e demitir colaboradores de uma empresa. Essa é uma área indispensável para qualquer corporação, independentemente do tamanho. Mas, será que é vantajoso fazer uma faculdade de RH?

Nesse texto você vai compreender o que é estudar no curso de Recursos Humanos, o que você pode esperar do mercado de trabalho e, claro, o que as empresas esperam dos novos profissionais dessa área! Ficou curioso? Continue lendo e deixe suas dúvidas nos comentários.

Faculdade de RH

Sobre a graduação em RH

Os cursos de Recursos Humanos duram, mais ou menos, entre dois e três anos - isso varia de acordo com a Instituição de Ensino. A titulação é de tecnólogo e os alunos saem prontos para atuar no setor de RH de grandes empresas, empresas especializadas em contratação, órgãos públicos, e muito mais.

Se o seu desejo é seguir essa carreira, algumas disciplinas que verá ao longo desses anos são: Gestão de Processos, Gestão do Clima Organizacional, matérias ligadas à área de Administração, Legislação Trabalhista e Previdenciária e também outras mais voltadas à prática, como Técnicas de Seleção e Psicologia Organizacional.

Estágios e oportunidades

Ainda estudando você irá deparar-se com várias possibilidades de estágio, principalmente nos grandes centros. Isso porque essa é uma área em ascensão, cujo profissional é reconhecido e requisitado por corporações de diferentes portes e segmentos.

Apesar de não ser obrigatório para a conclusão do curso, o estágio é imprescindível para quem deseja uma melhor posição no mercado de trabalho. Isso porque a experiência adquirida nos anos de faculdade certamente fará a diferença na hora de brigar por uma vaga, ou a empresa pode se interessar em contratar.

Mercado de trabalho

Como já foi dito, o mercado de trabalho está aquecido e em busca de bons profissionais de Recursos Humanos. Existem muitas vagas, principalmente nos grandes centros, mas também há espaço em cidades menores nas empresas de pequeno e médio porte.

Além da função mais conhecida do ofício, que é a de contratar profissionais, o trabalhador também tem outras tarefas nas companhias, como:

  • Desenvolver planos de carreira;
  • Treinar funcionários;
  • Coordenar a folha de pagamento;
  • Desenvolver programas de qualidade de vida e de trabalho;
  • Ser o principal elo entre empregados e sindicatos;
  • Medir o desempenho dos colaboradores;
  • Ficar responsável pelos processos de contratação e desligamento de funcionários;
  • Outros encargos específicos de cada empresa.

E a remuneração?

Assim como em outras profissões, o salário do tecnólogo em Recursos Humanos pode alterar em conformidade com aspectos específicos: a cidade onde ele trabalha, o porte da empresa e a função que ele ocupa dentro da área.

Para você imaginar, uma boa média inicial para profissionais formados está por volta de R$4 mil, podendo chegar até a R$9mil para cargos mais especializados. Uma boa saída para melhorar os lucros é buscar o aprendizado constante, como MBA, Mestrado e Doutorado.

Afinal de contas, a faculdade de RH é um bom curso?

Dentre as perspectivas mostradas, podemos dizer que sim, a graduação em RH carrega diversas oportunidades de carreira e remuneração atrativa. Quem se interessa pela área e segue aprofundando os conhecimentos com uma pós-graduação, pode começar a fazer consultoria ou se tornar gerente de recursos humanos, alcançando ganhos próximos aos R$30 mil.

Leia também: Será que você foi feito para área de Humanas?

Topics: Graduação

Vitor Luz

Written by Vitor Luz